Marchantiophyta

De Uniplantae
Ir para: navegação, pesquisa

Hepáticas são seres da divisão Marchantiophyta Stotler & Stotl.-Crand. , também conhecida como Hepaticophyta ou então da classe Hepaticae (as três versões são utilizadas na literatura), com cerca de 6000 espécies, que constituem, junto com os antóceros e musgos, as briofitas sensu latu.

As hepáticas, assim como as demais briofitas s.l, possuem gametófitos (parte vegetativa da planta) de vida livre, autótrofos, independente e dominantes; e esporófitos (parte reprodutiva da planta)efêmeros e dependentes do gametófito. Suas gerações esporófitas e gametófitas são heteromórficas (que se distinguem em sua morfologia) alternantes.

Por serem avasculares, o transporte de nutrientes é feito por difusão, o que implica o tamanho minúsculo dessas plantas.

Principais características que diferem as hepáticas das outras briófitas:

   * Possuem fase em protonema (estado juvenil de desenvolvimento);
   * Esporófito sem estômato divido em seta curta e cápsula;
   * Cápsula com deiscência em 4 valvas;
   * Rizóides unicelulares;
   * Em suas capsulas há elatério, que auxiliam na disperção de esporos;
   * As hepáticas folhosas possuem filídios achatados em um plano, inteiros, lobados ou partidos, dispostos em 3 fileiras, 2 de igual tamanho e outra menor - o anfigastro;
   * Possuem vários cloroplastos por célula
   * Células com oleocorpos
   * Habitat: A maioria das hepáticas são de clima úmido temperado e tropicais. Algumas são epífitas e epífilas, e pouca são aquáticas.


Classes

Haplomitriopsida

Jungermanniopsida

Marchantiopsida